The book is on the table

22 09 2007

Por estes dias esta eu a conversar com um amigo e este me disse que está disposto a iniciar um curso de idiomas, inglês pra ser mais específico. Isso gerou uma pequena discussão sobre a real necessidade desse meu amigo fazer o curso, já que na empresa que trabalha não se tinha nenhum tipo de contato internacional que justificasse o aprendizado de outro idioma.

Welcome, my friend!
Welcome, my friend!

Porém, nem só da necessidade vive o aprendizado. Conversando com alguns amigos sobre a discussão acima e fazendo algumas questões ao amigo Google, consegui algumas justificativas convincentes para se iniciar um curso de inglês, mesmo que no seu trabalho não se necessite dele. São elas:

Aumento das fontes de conhecimento: sabendo outro idioma, você derruba o muro que te separa da vanguarda, que geralmente se encontra em inglês, trazendo para o seu dia-a-dia as melhores fontes de conhecimento para te auxiliar na solução de problemas e na tomada de decisões.

Seu mercado de trabalho é o mundo: você não fica mais preso ao mercado de trabalho onde está por causa do idioma. Se sonha alto, isso ajuda muito.

Faz bem pra saúde: estudar outro idioma que não o seu exercita seu cérebro e sua memória, ajudando a retardar a “velhice” do mesmo.

Tudo bem, você já sabe de tudo isso, só que ainda tem muitas dificuldades em trazer a língua estrangeira para seu dia-a-dia. Então vou passar algumas dicas de como enriquecer seu vocabulário estrangeiro e treinar sua conversação sem nenhum mantra mágico!


Derrubando a barreira do idioma

Escute muita música: são as melhores fontes de pronúncia que você poderá achar. Escute uma música em inglês e tente entender o que está sendo dito. se não conseguir, apele para a letra da música (ache no Google). Você aprende se divertindo!

Tenha um parceiro(a) de estudo: convide um amigo ou seu (sua) namorado(a) pra fazer o curso junto com você. Combinem um tempo para só se comunicarem em Inglês. Conversação é crucial, além de ser algo bem legal falar outro idioma! Impressiona! 🙂

Assine uma publicação estrangeira: Quando mexem no nosso bolso, a gente não se conforma. Então, mexa você no seu bolso e assine uma revista, um jornal online, ou qualquer coisa em inglês. Você se sentirá a compulsão em ler aquilo, pois investiu seu rico dinheirinho naquilo! Isso te treinará na leitura e enriquecerá seu vocabulário, além de te dar informação sobre o que acontece pelo mundo!

Tenha sempre um dicionário por perto: tenha certeza de uma coisa: você nunca saberá tudo sobre inglês. Então, precisará de uma ajudinha de vez em sempre! Para isso, conte com um bom dicionário! A escolha é sua: impresso, online, de bolso, pra palm! O importante é ter ele por perto e consultar sempre que encontrar algo que não tenha entendido muito bem! Não deixe pra depois!

Faça uma viagem: não adianta. Você pode estudar na melhor escola, ter os melhores contatos americanos no MSN, não tem melhor experiência agregadora que uma viagem ao exterior e ter a chance de explorar todo teu potencial com a experimentação de outro idioma.

Faça dessa experiência algo divertido e útil. Assim tudo ficará mais fácil!